Explicando erros que nada importam no contexto

Isso aqui se tornou a minha privada sentimental, geralmente de vômitos e cagadas cheios de odio, tristeza e algumas lagrimas secas de amor. This has become my sentimental toilet bowl, usually vomit and shit filled with hate, sadness and some dry tears of love.

20.12.09

O pior é que eu gosto muito de você

Outro dia, do nada, ela me aparece com uma conversa estranha, que a princípio me agradou, e muito; de que havia sumido por vários motivos, não só por que estava namorando mas pelo TCC, pediu desculpas e veio me dizer:

- O pior é que eu gosto muito de você! você tem um coração de ouro...

Mas eu por ser bobo, bonzinho ou ingenuo, ou os 3 juntos, não me atentei a um detalhe, ao "o pior é que..." e só dei importancia para o "gosto muito de você". Quando me deparei com esta situação ja era tarde para voltar no assunto, mas em meio a conclusão que ela namora e eu não, percebi que ela não está feliz com o "tal".

Ela com seus 20 e poucos e ele com uns 30 e tantos, é justificável que ele só queira saber de uma coisa (que pra ela não é tudo) e isso a cansa. Cansa a ponto de me dizer:

- O pior é que eu gosto muito de você! você tem um coração de ouro...

Parando pra pensar, eu ainda sou apaixonado por ela, pela cor de pele dela, pelo cheiro dela, pelo sorriso dela, pelo jeito dela, pelo nome dela, pela beleza dela. Está bem, exagerei um pouco por que sei que um dia ela vai ler isso, mas duvido que ela vai me arrumar um tempo pra que possa dizer isso e muito mais ao pé da boca e do ouvido dela ao vivo e a cores.

1 comment:

The Rogue said...

Eu já tinha descoberto seu blog e anonimamente eu o lia (e gostava do que lia, aliás), e percebi que você ficou um certo tempo sem postar. Mas agora você voltou e isso é bom.

Um beijo e keep wrinting ;*