Explicando erros que nada importam no contexto

Isso aqui se tornou a minha privada sentimental, geralmente de vômitos e cagadas cheios de odio, tristeza e algumas lagrimas secas de amor. This has become my sentimental toilet bowl, usually vomit and shit filled with hate, sadness and some dry tears of love.

23.11.09

O solteiro

Esse é um autor que muito me identifico e sempre que puder trazer algo dele, trarei!!!
Simples, direto, linguagem expressiva, e sempre com um contexto sentimental e comportamental!
Vale a pena ler Marcelo Rubens Paiva.

_

O solteiro

Por Marcelo Rubens Paiva

É a maior praga da cidade. Indesejado e evitado.

Muitos o olham e perguntam o que tem de errado, por que está sempre só, é gay, é estranho, é um mala, é o quê? Na Galiléia, seria colocado pra fora dos muros que cercavam as cidades, com os leprosos, aleijados, atendentes de telemarketing e prostitutas.

Um solteiro incomoda muita gente. Incomoda as solteiras, que veem nele um marido em potencial, mas que nunca toma a iniciativa de um diálogo mais sério e apenas quer por algumas noites apenas. “Este aí, sai fora, fuja dele, suma, evite, ele só quer te comer.”

As solteiras sabem bem com quem devem se envolver e quem evitar.

Já as recém-solteiras, carentes, traídas e abandonadas são as vítimas certeiras do solteiro-que-só-quer-comê-las, a praga.

Elas ainda acreditam em amor, esse sentimento nobre que nomeia uma paçoca.

Elas ainda acreditam nos homens, os babacas. Elas querem curar uma ferida rapidamente. Ingênuas, são as que mais odiarão cruzar o caminho de um solteiro convicto.

Os casados amigos ou conhecidos e até inimigos o invejarão, pois creem que a vida do cara solteiro é eletrizante, 100% emoção, mais de mil garotas, noites ardentes, manhãs inexistentes, roda viva, luta sem fim, de loiras a morenas a ruivas a japas a mãezinhas a coroas a ninfetas a primas a vizinhas a colegas a amigas a ex e muitas ex, ex, ex, ex.

As casadas olham o solteiro com desconfiança, pois podem influenciar seus maridos, a liga é frágil, a corda é bamba, a vida é loka, o mar está pra peixes e sereias, e seu maridinho pode cair no papo do amigão solteirão, que sempre o convida para aquela balada após o badalo das horas.

Para a casada, um solteiro é uma ameaça à paz tênue de seu casamento. Fora que ela mesma, a casada, confunde-se quando se pega sozinha pensando no amigo-solteiro do marido. “Meu! Que estou fazendo?!”

Mas mal sabem todos o quanto o solteiro inveja seus amigos casados e sonha encontrar mulheres-esposas como aquelas, para chegar em casa todos os dias e oferecer flores e paçoca AMOR.
_
Retirado de http://blog.estadao.com.br/blog/marcelorubenspaiva

No comments: